Dois zootecnistas da EMATER-DF receberam prêmio por se destacarem em seus trabalhos. Individualmente Aécio Wanderlei Silveira Prado conquistou a homenagem pela terceira vez. Seu colega e também Zootecnista Frederico Neves coordenou o trabalho de uma equipe que venceu na categoria “grupo”.

Segundo Aécio, a empresa possui um sistema de monitoramento das atividades de seus extencionistas. Ele gera uma pontuação, conforme as atividades laborais desenvolvidas. O eleito é o servidor que acumula o maior número de pontos. Ele explica como acontece a pontuação. “O que conta são o número de atendimentos, de visitas a campo, de capacitações, de pessoas capacitadas, além de uma avaliação qualitativa. Neste caso, avaliação é sobre o impacto que esses atendimentos tiveram na vida das famílias, na área rural. ”

Aécio

Zootecnista Aécio Wanderlei Silveira Prado

Na categoria “Grupo”, a equipe coordenada pelo zootecnista Frederico Neves desenvolveu um aplicativo chamado “Põe na Cesta”, que pode ser acessado pelo link: https://dfrural.emater.df.gov.br/poenacesta/. A ferramenta promove o relacionamento entre o produtor, revendedores ou até mesmo o consumidor final.

A ideia se concretizou no início de 2020 e com a chegada da Pandemia o projeto ganhou prioridade. Frederico, junto a Zootecnista Vanessa Lira da Silva Neves, a Agrônoma, Loiselene Trindade, o Técnico Agrícola José Nilton Campelo e o programador André Froes, trabalharam com o objetivo de desenvolver o aplicativo, que é semelhante a um site, já que ele pode ser acessado de computadores ou celular. “Ele se molda conforme o aparelho que você usa para acessar, seja computador, seja celular”. Explica Frederico.

Frederico

Zootecnista Frederico Neves 

 

Para navegar no aplicativo é bem simples. Ao acessar o menu basta clicar na opção “ENCONTRE UM PRODUTOR”, e visualizar as opções de busca. Você poderá realizar buscas pelo nome do produtor, pela localidade da propriedade ou pelo tipo de produto agropecuário ou agrícola.

Assim que o usuário faz as escolhas irá aparecer a lista de produtores encontrados. Ao clicar no nome de cada produtor abrirá uma ficha individual com as informações mais detalhadas sobre sua produção, comercialização e dados de contato.

Frederico explica que a plataforma está no ar desde o início de julho, e já somam mais de 250 cadastros e funciona como “um misto de um catálogo de contatos com uma rede social” já que é possível ver fotos dos produtos e o contato para negociação.

Assessoria de Comunicação Social do CRMV-DF

05  de  janeiro de 2021